• Peru: Todas as dicas para programar a sua viagem!

Stonehenge

Postado em

Stonehenge foi a última parada depois do passeio contratado com a Evan Evans (Windsor Castle + Bath + Stonehenge).

Até hoje não se sabe ao certo como as pedras foram transportadas e encaixadas de forma circular e por qual motivo, mas muito se especula a respeito, aumentando o mistério e curiosidade sobre esse lugar.

2011-04-21 London Vanessa Leo Part 2 (57)

Acredita-se que a  construção de Stonehenge tenha acontecido em 3 partes:

A primeira data de aproximadamente 3100 aC (caramba!), em que no local existia uma grande vala em formato circular e, internamente, havia um banco de pedras (seria alguma mesa de sacrifícios ou algo do tipo??) e um santuário de madeira. Foram encontrados ali restos humanos cremados, o que reforça a teoria de que o espaço foi utilizado para fins religiosos. O que chama a atenção é que o círculo é alinhado com o por do sol no último dia do inverno.

2011-04-21 London Vanessa Leo Part 2 (58)

Na segunda fase (2.150 aC) acredita-se que seja marcada pela construção de dois círculos de pedras azuis, transportadas por cerca de 150 kms, atravessando rios, até chegar ao destino final. É aquele tipo de lugar que você realmente não entende como seres humanos foram capazes de fazer, e daí ronda o mistério. No Peru, diversas ruínas contam histórias também difíceis de compreender (quantos homens x horas de trabalho seriam necessárias para transportar pedras tão pesadas, com os instrumentos rústicos que tinham na época). Acho que nunca vamos ter as respostas exatas, apenas suposições…

2011-04-21 London Vanessa Leo Part 2 (59)

Na última fase (2.075 aC), as pedras azuis foram derrubadas e, em seu lugar, erguidas as que podemos ver hoje e que pesam cerca de 25 toneladas cada (!!!). Posteriormente, entre 1.500 aC a 1.100 aC,  cerca de 60 pedras azuis foram restauradas e realocadas na parte interna do círculo.

2011-04-21 London Vanessa Leo Part 2 (60)

 No solstício de verão do Hemisfério Norte (que é o dia mais longo do ano), o sol nasce acima da pedra principal de Stonehenge, o que atrai diversos visitantes. Esse é um dia muito especial de visitação, pois é o único em que funciona das 19 horas as 8 horas do dia seguinte e é o único em que realmente pode-se chegar perto das pedras.

Eu aconselho fazer um passeio guiado ou mesmo pegar um Audio Guide, que foi o que fiz, caso contrário, o passeio se resume a um monte de pedras erguidas sem sentido. Acho um passeio interessante, pois eu gosto muito de História e fico “viajando” imaginando como as coisas foram feitas, como viviam as pessoas, agora, sentir uma energia especial, como algumas pessoas narram…sinceramente não foi o caso…rs

2011-04-21 London Vanessa Leo Part 2 (62)

Como visitar Stonehenge?

O lugar não é de muito fácil acesso, pois é cercado por rodovias, e, na minha opinião, o mais viável seria contratar uma empresa de turismo.

De trem:

Em Londres , na Waterloo Station, pegue o trem para Salisbury (saem aproximadamente de hora em hora, mas é bom checar antes). A viagem dura cerca de 1h30mins e, da estação de Salisbury, você poderá pegar um táxi ou ônibus local (mais informações no fim do post).

De ônibus:

Você pode pegar um ônibus no aeroporto de Heathrow ou em Victoria Station, no centro de Londres, e descer em Amesbury (veja logo abaixo o site oficial de ônibus). De lá, você pode ir caminhando (cerca de 1.6 km ou pegar um táxi).

Eu só fui com empresa de turismo, não sei dizer se com transporte público vale a pena, mas, como podem notar, por ser um pouco longe de Londres, se você optar pelo trem e ônibus, informe-se com antecedência sobre os horários – vou por os links aqui logo abaixo, ok?

Sites:

Site oficial: www.stonehenge.co.uk

Trens para Stonehenge: www.thetrainline.com

Ônibus locais para Stonehenge: www.wdbus.co.uk

Ônibus a partir de Londres: www.nationalexpress.com

Lembre-se de que você não vai encontrar nesse sites “Stonehenge” como destino final, mas sim Salisbury ou Amesbury.

0 Comentários para “Stonehenge

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *