• Peru: Todas as dicas para programar a sua viagem!

As regiões de Southwark e Southbank em Londres

Postado em

Não é a minha intenção, nesse post, desbravar Southwark e Southbank a vocês…quem me dera poder fazer isso…rs. A verdade é que eu não tive tempo de caminhar por essa região na primeira vez que estive em Londres e, nessa última, apesar de estar chovendo no dia, aproveitamos para caminhar por lá e fiquei encantada.

Alguns de vocês devem saber que moro em São Paulo e foi inevitável comparar (e lamentar) como aqui as margens dos rios são negligenciadas, totalmente o oposto do que acontece em Londres! E esse é um dos motivos de eu amar tanto a Terra da Rainha e acho que jamais vou me enjoar de lá…rs

Vista da Tower Hill

Vista da Tower Hill

Nosso dia começou assim: descemos na estação de metrô London Bridge e entramos nessa espécie de galeria, não sei bem ao certo – todo mundo parando para tirar fotos desse barco da foto abaixo e, ao redor, tinham cafés, pubs…e algumas barraquinhas, onde compramos uma placa dos Beatles pro meu irmão (aliás, é super difícil de achar coisas dos Beatles em Londres, sabiam? A impressão que dá é de que ninguém dá bola a eles por lá..rs).

Londres_ciaoviaggio6

ciaoviaggio5

ciaoviaggio4

O grande barato de caminhar por essa região, na minha opinião, é apreciar a vista do Tâmisa – eita cidade fotogênica que é Londres: toda hora eu queria parar para tirar uma fotinho de um ângulo diferente. Ora são os barcos no rio, os arranha-céus, o Shard (maior edifício da Europa), a minha queridinha Tower Bridge…tudo isso sem tumultos, sem camelôs, num ambiente em que me senti segura, sabe? E é aí que vem a comparação com as margens dos rios de São Paulo, como comentei acima…quanta diferença… 🙁

Londres_ciaoviaggio8

Londres_ciaoviaggio7

Londres_ciaoviaggio5

Logo na saída do metrô, você verá o acesso ao edifício Shard e, se se animar, poderá desembolsar GBP 40 para subir e ter uma bonita vista de Londres (eu não subi, gente, desanimei por causa do tempo e do $$$). Ali pertinho também fica o Borough Market, aquele mercado bacana famoso pelos seus guarda chuvas pendurados (veja o post aqui).

Shard ao fundo

Shard ao fundo

O pub, mais de perto: muito charme!

ciaoviaggio3

Seguimos em direção a Tower Bridge, caminhamos por ela e depois fomos conhecê-la por dentro (contei tudo nesse post aqui) – a fome começou a apertar e paramos num pub lá próximo de onde descemos no metrô para almoçarmos. E continuamos caminhando pela região…

Londres_ciaoviaggio4

 Seguimos andando e vimos esse edifício redondo e simpático, que é o Shakespeare’s Globe, teatro onde acontecem diversos eventos – eu não tive tempo de conhecer, mas se você tiver interesse, pode acompanhar a agenda deles no site (clique aqui).

londres_ciaoviaggio2

ciaoviaggio1

A chuva, que antes se resumia a uma garoa chata, começou a apertar…como estávamos perto do Tate Modern, Museu de Arte moderna de Londres, aproveitamos para ir até lá, pois a vista do último andar, onde fica a cafeteria e restaurante, é simplesmente deslumbrante:

image1 (4)

E nosso dia terminou assim, repleto de vistas maravilhosas de Londres! Mais tarde, fomos jantar no Soho, outro bairro bacana e bastante descolado…

Você tem mais dicas de Southwark e Southbank? Compartilhe aqui com a gente, e incentive a minha vontade de voltar logo a Londres…rs

0 Comentários para “As regiões de Southwark e Southbank em Londres

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *