• Peru: Todas as dicas para programar a sua viagem!

Belga Corner: um pedacinho belga em São Paulo

Postado em

Eu fiquei apenas 2 dias na Bélgica e sinto, digamos, “3 saudades gastronômicas” hahahahaha: batatas fritas, mexilhões e waffle. Aí você me pergunta: “Batata frita, Vanessa, tá louca??” Nooo, não estou! As batatas de lá são maiores, extremamente crocantes por fora e macias por dentro (dei uma fuçadinha no tio Google para ver a receita de lá, veja aqui, em inglês. Informo que não testei).

 securedownload (5)

Bom, voltando ao que interessa…rs…vi na internet por acaso uma foto do waffle da Belga Corner e a vontade atiçou. Fui conhecer esse restaurante, super pequenininho e localizado no bairro do Itaim, em São Paulo.

Decoração

Decoração

De entrada, lóoogico que matei a minha vontade das fritas (R$ 22 a porção), que são servidas com a maionese da casa: delícia, de comer sem culpa! Esse suco aí do lado é de morango, melancia e hortelã!

image

O restaurante não serve o mexilhão que tanto amei, mas, em compensação, pedi a Pitta (R$ 24), influenciada pela deliciosa crítica do site Gastrolândia – e posso dizer que não me arrependi!! Consiste em um pão sírio dividido em 2 partes e eu pedi o “Estrela”, cujo recheio contém frango, bacon, alface e queijo. O prato é acompanhando por 3 tipos de molhos (rosé, alho e curry), o que é uma delícia, pois cada molho já dá um tom diferente ao mesmo prato.

 securedownload (2) securedownload (4)

A casa oferece também outros pratos, como guisados, steak tartare, almôndegas, queijo gouda, etc.

Guarde um espacinho para a sobremesa e peça uma das mais tradicionais sobremesas belgas: o waffle! é de comer rezando, gente! Eles colocam no cardápio que trabalham apenas com chocolate belga (preciso voltar para experimentar as outras iguarias..hehehehe).

image (2)

Waffle de comer rezando

Eu adorei a comida: as batatas e o waffle foram exatamente o que comi em Bruxelas, me mataram as saudades!! E a pitta foi uma grata surpresa, pois eu não conhecia…mas devo confessar algo a vocês que acho que o Belga Corner deveria melhorar: o atendimento!

Explico: Chegamos e sentamos no andar de cima (o restaurante é super pequeno). Demorou até nos trazerem o cardápio, os atendentes simplesmente estavam fazendo outras coisas (ora no computador, ora pegando os pratos) e não nos “viam”. Ok, escolhemos os pratos e a minha mãe pediu o Menu Executivo, que consistia em uma pitta, salada ou fritas e a sobremesa do dia aq R$ 29. Perguntei qual era a sobremesa do dia e nos informaram que era bolo de laranja com calda de chocolate.

Quando ela foi solicitar o bolo, não tinha mais…e, ao invés de oferecerem uma das sobremesas belgas do cardápio, as opções se restringiram a abacaxi ou manga. Achei super chato isso, principalmente considerando-se que não levamos 1 hora do pedido do prato à sobremesa, e pelo fato de o local ser pequeno (não estava lotado – tinham que se organizar para não faltar nada).

Assim, na minha opinião, são pontos a serem melhorados, e aqui eu sou 100% sincera com vocês. Mas nem por isso eu deixaria de voltar ao Belga Corner 🙂 lugar bacana,comida gostosa e que valem as calorias hehehehehe

Belga Corner

Rua Pedroso Alvarenga, 666 – Itaim – São Paulo

Não possui estacionamento ou vallet. Você pode estacionar na rua ou deixar o carro num dos estacionamentos próximos

Página no Facebook: https://www.facebook.com/BelgaCorner

0 Comentários para “Belga Corner: um pedacinho belga em São Paulo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *